MK808 e HD externo USB

Você assim como eu comprou um aparelho modelo MK808 pensando em utilizar seus HDs externos e ao plugar o HD na porta USB ficou sem saber o que fazer pois o mesmo não foi reconhecido?

SIM !, então ai vão ai algumas dicas rápidas para solucionar esse contratempo.
160247-1

 

  1. Primeira e mais básica, a entrada USB a ser utilizada é a OTG (na lateral do aparelho).
  2. Um HD plugado nessa porta até pode funcionar, mas a fonte que vem junto com o aparelho, sabe-se la o porque, não da conta de sustentar e o uso pode ficar instável.
  3. Use um HUB USB energizado e plugue quantos HDs quiser, funciona e muito bem assim.

Não consegui fazer funcionar nenhum aplicativo de compartilhamento direto dos discos (NAS ou SAMBA), mesmo o com SO rootado os aplicativos não conseguiam abrir as portas padrões dos protocolos, sendo assim, instalei o aplicativo FTP Server e mapiei o diretorio /mnt, até agora tudo tem funcionado adequadamente.

Google TV ou Computador Android Você Decide

Depois de muito tempo finalmente consegui voltar a escrever por aqui, de certa forma muita coisa mudou em minha vida, sendo que, em resumo, meus interesses tem estado nos mesmos focos, mas hoje pretendo falar sobre um pequeno projeto pessoal que tenho desenvolvido nesse mês.

Ha alguns anos tenho um storage externo da Mtek que possui uma série de capacidades interessantes, nele faço o backup dos meus documentos digitais, fotos, vídeos, etc. Um grande problema desse equipamento é que para conseguir acessar os arquivos é necessário pluga-lo em um computador.

1348614138_441442558_1-Fotos-de--Dual-Case-Gaveta-Externo-Hd-Sata-Usb-E-sata-Mtek-En355a2e

 

Pode parecer estranho eu dizer que para acessar um disco eu tenha que conectar um computador e principalmente que isso me incomode.

Se colocarmos esse equipamento ao lado de soluções como Google Drive, SkyDrive, Dropbox e outros sistemas de armazenamento na nuvem, fica claro que se torna incômodo ter que pegar uma peça que pesa quase 2 kilos (esse peso se deve ao fato de haver 2 HD de 5 1/4, mais o peso do próprio case), sua fonte e cabos e ter que levá-lo para onde esta seu computador toda vez que desejar usá-lo.

Bom, cansado de toda logística envolvida no uso desse equipamento e pelo interesse de ter todo esse conteúdo sempre disponível para uso comecei buscar soluções para o meu “problema”, depois de avaliar soluções caras, soluções baratas e soluções nem caras e nem baratas creio que conseguir alcançar uma opção com um ótimo custo/benefício.

E como todo bom livro, essa foi a introdução para o real conteúdo do post.

Para resolver meu problema, onde, para conseguir acessar o conteúdo do meu storage eu tenho que ter um microcomputador com no mínimo uma entrada USB ligado ao case, busquei os mais diversos tipos de computadores de baixo custo para resolver minha demanda, no entanto, nenhum deles era barato o suficiente, ou, pequeno o suficiente, ou, tinhas os recursos suficientes para cobrir todas minhas necessidades.

Não sou cliente assíduo do DealExtreme, mas resolvi dar uma olhada la, buscando algum tipo de solução que me ajudasse a sair do impasse, foi quando um novo mundo se abriu para mim, simplesmente descobri que atualmente existe quase que uma infinidades de equipamentos baseados na plataforma ANDROID para os mais diversos fins, como por exemplo, inúmeros modelos de aparelhos ao estilo Google TV a preços acessíveis.

Diante dessa novidade avaliei as opções e acabei comprando o MK808B que possui um processador Dual Core, e ja vem rodando o sistema ANDROID na 4.1, além de contar com, Bluetooth, 1GB RAM e obviamente saída HDMI. O principal ponto de atenção que utilizei para fazer essa escolha foi o fato de a entrada USB suportar discos externos de até 2TB, haja vista, que meu storage possui uma partição de 750GB e uma de 1.5 TB de espaço.

Um detalhe que me chamou a atenção após a compra e que espero validar assim que receber o produto (que esta parado na alfândega), é que o ANDROID do aparelho ja vem rootado, ou seja, não vem com nenhum tipo de impedimento para instalação de aplicações que precisam acessar recursos de baixo nível da plataforma, sendo assim, não devo ter nenhum tipo de problema para instalar por exemplo a aplicação Samba Filesharing for Android, permitindo que eu acesse os arquivos do meu storage através do Google TV como se fosse um compartilhamento de disco de um servidor qualquer.

E as possibilidades não param por ai, levando em conta que o dispositivo possui uma entrada USB padrão, dessa forma é possível colocar qualquer tipo de equipamento compatível, a imagem abaixo mostra um pouco do que “é possível” conectar.

sku_175870_104

 

Veja, não é difícil imaginar que esses equipamentos podem fazer quase qualquer coisa desde que haja o aplicativo certo para suportar a necessidade, ou seja, se você pensa que um tablet é o máximo de evolução para essa plataforma, toma essa.

Junto com a compra do Google TV, adquiri um controle remoto do tipo Air Mouse do modelo RC11, por um golpe do destino ele foi despachado antes da china e já esta em minhas mãos, posso dizer que é um brinquedinho simples e que para fazer apresentações Power Point é mais que uma mão na roda, vejamos como ele se comportará quando em união com o brinquedo que esta para chegar.

376c4e9e-3b48-4590-81bf-c63dbbe8c05e

 

Minha expectativa com tudo isso é poder acessar meus arquivos sempre que eu tiver necessidade, fazer cópias de backup e de quebra acessar a internet, assistir filmes no NetFlix e vídeos no Youtube, as expectativas da minha esposa são um pouco diferentes (acessar o Facebook e jogar Candy Crush) mas não menos nobres, não vou negar que minha cabeça ja esta a mil, pensando o que mais da para fazer com esse brinquedinho.

Bom, quem sabe daqui mais 9 meses faço outro post falando sobre os resultados dessa brincadeira.

Aplicação Android de Código Aberto

Aplicação Android de Código Aberto

Quando me interessei pelo desenvolvimento de aplicativos Android e comecei a compreender seu funcionamento, passei a buscar por aplicações com código aberto para utilizar como referência.

Gosto de analisar aplicações que ja estejam amadurecidas, busco entender as soluções criadas para resolver as deficiências da plataforma e como são criados os recursos criativos, é sempre uma maneira de diminuir a curva de aprendizado.

Quase que por acaso encontrei uma aplicação que é bastante interessante e de código aberto, é o tipo de coisa que esta bem na sua frente e por muito pouco é possível você não perceber.

O aplicativo oficial do WordPress assim como o próprio WordPress é de código aberto e pode ser estudado, modificado e regerado sem grande esforço.

As características visuais não são dos mais criativas, entretanto, para função que se propões (gerenciamento de um blog WordPress) os recursos são completos e de quebra é possível ter em mãos toda implementação para comunicação XML-PRC.

Para ter acesso o código fonte você deve acessar pelo SVN o endereço http://android.svn.wordpress.org/ ou navegar via Web no endereço https://android.trac.wordpress.org/browser.

Caso você conheça mais aplicativos Android de código aberto com recursos interessantes, deixe aqui seu comentário.

Economizando Energia no seu Android

Economizando Energia no seu Android

Minha migração do mundo Apple para o mundo Android foi direcionada por duas conveniências, a primeira foi minha esposa perder seu celular e a segunda, o fato que as aplicações do sistema Android podem ser desenvolvidas utilizando o sistema operacional Linux.

Depois de pesquisar bastante sobre qual aparelho comprar todas indicações apontavam para o mesmo caminho, foi então que me rendi e adquiri um Samsung Galaxy S2.

O mais interessante de todo esse ritual é que a lua de mel é cada vez mais curta, algumas preocupações vem logo em seguida e a primeira delas é, quanto tempo dura a bateria. A resposta tem chego mais rápido a cada compra, pois as baterias duram cada vez menos.

Nesse sentido recebi uma dica matadora do Alexandre Oliveira, o aplicativo JuiceDefender faz a gestão de ativação de uma série de componentes do smarthphone, tela, conexões de dados, sincronização, etc, sem que com isso faça parecer que seu aparelho só serve para fazer ligação.

O JuiceDefender possui 3 versões, JD Free, JD Plus (R$ 4,53) e JD Ultimate (R$ 11,36) , a diferença entre eles á a capacidade de customização do aplicativo, consequentemente do potencial de economia de energia, a versão grátis possui apenas o perfil padrão de economia, a versão Plus permite realizar a configuração customizada de alguns componentes e a versão Ultimate, habilita todos os controles e é possível customizar todos os parâmetros de economia.

Utilizo a versão Ultimate em meu aparelho, a configuração que defini desabilita as antenas de transmissão de dados em no máximo 1 minuto após a tela ser apagada, habilitando novamente ao ativar a tela do aparelho. Desabilitar as antenas de dados não interfere no recebimento de SMS e de ligações telefônicas, dessa maneira o aparelho é totalmente operacional.

Para que o smarthphone não se torne apenas um aparelho telefônico, defini também que a cada 15 minutos, as antenas de dados devem ser ativadas e que as sincronizações necessárias (linkedin, facebook, gmail, twitter, etc) sejam realizadas por um período de até 2 minutos, sendo assim, tenho economia de energia sem perder a interatividade.

Dois dias após usar o JuiceDefender a melhora na autonomia da bateria é clara e não precisa ser um gênio para perceber, basta olhar o indicador do aplicativo na tela de notificações, ele informa quantas vezes mais a bateria esta rendendo (figura 1), no meu caso, mais que o dobro. Outro ponto onde é possível verificar o comportamento da bateria é nas informações de uso da bateria (figura 2) (Configuração -> Sobre o Telefone -> Uso da Bateria).

Falando um pouco mais sobre configurações, é possível definir aplicações que ativam as antenas de dados fora das janelas definidas sempre que solicitarem seu uso, dessa maneira, aplicações como contatos e a agenda de compromissos podem se manter sincronizadas independente da situação de configuração da rede de dados.

E por fim, a configuração de comportamento noturno do aparelho, no meu caso, defini que no período da 0h às 8h deve ser desabilito qualquer tipo de sincronização, evitando por exemplo que no meio da madrugada eu receba o aviso que tenho novos e-mails.